Detalhes que importam… estudar para ensinar

Por

Kátia Cristina Tavares Ribeiro

Formada pela faculdade de educação da Universidade de São Paulo em ensino Fundamental, professora evangelista de crianças pela APEC e membro da Igreja Batista Vale das Virtudes

Detalhes que importam… estudar para ensinar

Embora existam materiais onde se encontram aulas prontas, até mesmo com comentários e informações adicionais para facilitar o preparo do professor, é imprescindível que haja uma avaliação criteriosa sobre o que está sendo oferecido para as crianças.  Muitos pecam por transmitir mensagens incoerentes, apenas por acreditar no material produzido. Numa leitura mais crítica pode-se relacionar os vários exemplos encontrados no texto, averiguando segundo a Bíblia, qual seja o mais adequado. Nem todos os ensinamentos são fáceis de transmitir (principalmente quando se trata de ensinar crianças), mas são passíveis de coerência. Logo, é muito importante estudar todas as informações possíveis sobre o teor do texto, ou elementos da história.

As crianças são curiosas, e é preciso estarmos atentos para seus questionamentos, quando estes surgirem. Uma aula bem preparada deve prevê-los, estabelecendo assim uma relação de confiança da criança naquele que transmite a Palavra de Deus. Trata-se de uma condição importante do ensino, porque, quando as perguntas são respondidas com base bíblica produzem um efeito verdadeiro e duradouro. Os pequenos começam a perceber a Bíblia como instrução para sua vida.

Um aspecto relevante é que, ao estudar as características peculiares do assunto a ser abordado no ensino, o professor proporciona à criança no ato da aula, além de um estímulo à sua imaginação, ampliar seu repertório de conhecimento. Quem, como aluno, já não se deparou com o professor que revela conhecer tanto, que nos deixa ansiosos por querer saber mais sobre determinado assunto?

Os detalhes não são somente expressos em textos escritos ou falados. Eles também são encontrados nos visuais, como os mapas, por exemplo. Tornam a aula mais interessante, e revelam um trabalho cuidadoso no seu preparo. Traz à tona a perfeição de Deus, que nos mostra seu propósito em cada detalhe, seja da criação, de uma situação, dos lugares, dos sentimentos…

Outro fato que não pode ser deixado de lado é que os detalhes devem refletir a realidade do texto. Por isso, a pesquisa é primordial para a compreensão do contexto no qual está inserida determinada história ou outro tipo de texto.

No entanto, é preciso ter cuidado com excessos de detalhes. Devem prevalecer aqueles que evidenciam o ensino proposto. Por exemplo: numa guerra descrita na Bíblia tomando como tema central o poder do Senhor, é possível estabelecer um parâmetro de que o milagre de uma vitória se concretiza também pelas ordens cumpridas pelo povo de Deus, na organização estratégica espacial de defesa; ou seja, pode-se usar um detalhe que às vezes deixamos passar despercebido, para enfocar a relação entre obediência e benção.

Então, procuremos em nossa jornada para ensinar, apreciar os detalhes que fazem toda a diferença. São estes detalhes que importam…

 

Categories:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *